Projetos socioculturais

PROJETOS SOCIOCULTURAIS

 

Referenciado no objetivo de ser um espaço cultural que divulga, valoriza e fomenta as artes circenses, o Galpão do Circo desenvolve ações, em paralelo a seus cursos, que buscam apoiar os profissionais do circo, bem como coletivos e companhias artísticas, e promover a troca de saberes entre estes profissionais, envolvendo também os alunos da escola.

Estas iniciativas acontecem de forma integrada com as atividades pedagógicas desenvolvidas nos cursos regulares do Galpão do Circo. São elas:

 

Aprendiz de CircoElaborado e realizado pelo Galpão do Circo desde 2009, com patrocínio da Octante Capital, o projeto Aprendiz de Circo objetiva oferecer a jovens e adultos provenientes de famílias de baixa renda o conhecimento técnico/artístico de base para o ingresso no mundo das artes circenses através de aulas em diversas modalidades, participação em espetáculos, estágios nas aulas, em apresentações e outros espaços de ensino e aprendizagem da escola. O projeto também incentiva a criação de coletivos circenses.

Reciclando – Oficinas para profissionais das artes circenses – Este projeto, contemplado em 2012 e 2014 com o Prêmio Funarte Petrobras Carequinha de Estímulo Ao Circo, também integra o eixo de ações do Galpão do Circo pautado na formação e pesquisa artístico-cultural, atuando no aprimoramento e difusão do ensino das artes circenses através da formação continuada de arte-educadores. Isto ocorre através da realização de oficinas, abordando variados temas relacionados à educação para as artes circenses, que ocorrem dentro do espaço da escola.

Ocupação artística / Espaço para treinamento de profissionais
– Esta iniciativa integra um dos eixos de ação da escola, voltado à formação e pesquisa artístico-cultural, e objetiva apoiar o percurso artístico de profissionais circenses através da oferta de espaço, dentro do Galpão do Circo, para treinos, ensaios e apresentações, entre outras ações. Ele tem, como beneficiários, tanto artistas profissionais como o público em geral que, em função da parceria entre estes artistas com o Galpão, ganha possibilidade de fruição e apreciação das artes circenses por meio de oficinas, ensaios abertos e apresentações oferecidas pelos artistas ocupantes.

Picadeiro Aberto – A direção do Galpão do Circo, sabendo dos riscos que envolvem a arte circense e da escassez de locais adequados e financeiramente acessíveis para a realização de espetáculos com esta linguagem, vem buscando apoiar os artistas circenses que não têm espaço no circuito cultural de mercado por meio da realização frequente, desde 2002, de espetáculos gratuitos dentro de suas dependências, sempre com a presença destes artistas em cena. Voltados para a comunidade, estes espetáculos também têm aberto espaço para a apresentação de alunos e professores do Galpão do Circo, desta forma promovendo a troca de saberes entre profissionais das artes circenses, arte-educadores da área e aprendizes.

Brincando com Histórias
– Elaborado e executado pela Cooperação Criativa, com patrocínio do Instituto Bacuri e apoio do Galpão do Circo e da Secretaria Municipal de Educação, o projeto Brincando com Histórias atendeu em 2012 cerca de 230 crianças de 4 e 5 anos, alunos em escolas públicas de educação infantil da zona oeste de São Paulo. Além disso, 70 professoras da rede pública participaram de curso de formação de 12 horas, voltado à valorização da narrativa de histórias e das artes nos processos pedagógicos do cotidiano escolar.

 

Rua Girassol, 323 . Vila Madalena . São Paulo (SP) . CEP 05433 000 | Telefones: (11) 3815 6147 . 3812 1676 . 99264 5818 | secretaria@galpaodocirco.com.br